O gato preto!

Me olhou nos olhos. Me fez lembrar de todos os meus piores medos. Como se aqueles olhos enxergassem uma parte da minha alma, não a parte boa dela.

Grandes olhos verdes me encarando, como uma lembrança das minhas inseguranças.

Meu lado mais humano exposto. Aquele que eu não entrego para ninguém, que não mostro, sufoco, escondo, tranco com quantos cadeados achar no caminho.

Maldito gato. Olha com seriedade. Animal que me faz lembrar do meu lado mais animal. Como se para lembrar que aqui, você e humano. Seu lado humano mais animal. Seu animal humano.

Consigo escutar seus pensamentos. E ele RI, RI ALTO, gargalha. Filha da puta. Um dia acabo com você.

Meu querido gato preto.

O gato preto!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s